China inaugura biblioteca pública futurista

Mar do conhecimento? Oceano dos livros?

Arquitetura que impressiona!

A deslumbrante Biblioteca de Tianjin Binhai é um centro cultural de 33.700 m² que possui um luminoso auditório esférico em torno do qual encontram-se cascatas de livros do chão ao teto. As estantes onduladas são o principal dispositivo espacial do edifício. A biblioteca de 5 andares tem espaço para 1,2 milhões de livros.

Localizada no nordeste da China, a cidade de Tianjin presenteou seus cidadãos com um centro cultural de quase 34 mil metros quadrados e que pode abrigar um acervo de 1,2 milhão de livros. O destaque da construção é uma esfera luminosa localizada ao centro da biblioteca, além das estantes em formato de ondas que criam um efeito visual futurista.

Desenvolvido pelos escritórios de arquitetura MVRDV e TUPDI, a obra foi construída em apenas três anos: além da biblioteca, o município de Tianjin encomendou diferentes prédios que são interligados e formam um complexo cultural.