Dia da Rebeldia Nacional

Cuba 088Liz Lôbo

Cubanos em Brasília comemoraram, em 24 de julho, o 65º aniversário do ataque aos quartéis de Moncada e Carlos Manuel de Céspedes e homenagearam os heróis do levante.

A Revolução Cubana começou quando os rebeldes fizeram o assalto ao Quartel Moncada em Santiago em 26 de julho de 1953. No Dia da Rebeldia Nacional, a maior festa da Revolução Cubana, o jovem advogado Fidel Castro e seu irmão Raul, juntamente com outros revolucionários, partiram para a ação e tentaram pegar de assalto as casernas, em Santiago de Cuba, e Carlos Manuel de Céspedes, em Bayamo.

CartazO objetivo era tomar o quartel, invadir o paiol de armas e munições, distribuir fuzis pelas ruas para que a população se juntasse aos rebeldes e começasse a insurreição, que culminaria com a derrota do ditador Batista. Na época, o movimento estudantil promovia manifestações contra o governo de Fulgêncio Batista.

Cuba 057

 

Aqui na capital, a atividade política cultural foi realizada no Museu da República, tendo a participação diplomatas, representantes de organizações sociais e de partidos políticos, servidores da Embaixada de Cuba, além de colaboradores programa Mais Médicos de todo o Brasil.Em seu discurso, o Ministro Conselheiro da Embaixada de Cuba, Homero Saker, fez uma breve apresentação sobre o fato histórico, sem desconsiderar os aspectos essenciais importantes.

Cuba 064Afonso Magalhães também falou como coordenador do Movimento Solidariedade com Cuba e Sol Ramírez pela liderança da Associação Nacional dos Cubanos no Brasil, ANCREB.

Cuba 074

Sol Ramirez, presidente da ANCREB

Artista do grupo  Sabor de Cuba e Sai da Frente, além de professores da Escola de Música de Brasília mostraram o melhor da música cubana e brasileira com salsas, merengues e chorinhos.

Cuba 142Cuba 126Cuba 122Cuba 135Cuba 046Cuba 050