Embaixador da Suécia recebe condecoração

O embaixador sueco, Per-Arne Hjelmborn e o ministro da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, Marcos Jorge

O Embaixador da Suécia no Brasil, Per-Arne Hjelmborn, recebeu nessa quarta-feira (12), a Grã-Cruz da Ordem Nacional Barão de Mauá, do Governo brasileiro. Como representante do Governo Sueco no país, condecoração reconheceu a contribuição da Suécia à indústria, ao comércio e aos serviços brasileiros. Outras 59 personalidades que prestaram relevantes contribuições à indústria, ao comércio exterior e aos serviços do país também foram condecoradas hoje em Brasília pelo presidente Michel Temer.

Per-Arne Hjelmborn agradeceu a honraria recebida, idealizada pelo Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC). “Muito feliz por receber a Ordem Nacional Barão de Mauá. A parceria estratégica Suécia-Brasil tem quase 200 anos, mas vive uma nova era desde 2009, quando a Força Aérea Brasileira e a empresa sueca SAAB assinaram o contrato de desenvolvimento e produção dos caças Gripen.”, declarou o embaixador.

O Gripen é um projeto estratégico conjunto que envolve uma significativa transferência de tecnologia da Suécia ao Brasil e que tem desdobramentos positivos em outras áreas de cooperação. Parceria tem impactos nos setores de mineração, produção de biomassa, energia, ingraestrutura, transporte e tecnologias limpas.

Criada pelo Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços e entregue pela primeira vez em 2018, a Ordem Nacional Barão de Mauá é inspirada em Irineu Evangelista de Sousa. Pioneiro da industrialização brasileira no século XIX, ele recebeu o título de “Barão de Mauá” do imperador Dom Pedro II em 1854. A Ordem busca homenagear personalidades que contribuíram para o desenvolvimento do setor produtivo brasileiro.

Fonte:Embaixada da Suécia (com informações do MDIC)