Mestres italianos no CCBB

Exposição com rico acervo do século XX  é aberta ao público nesse sábado(24). Entre os destaques a obra Autoretrato, de Amedeo Modigliani.

Liz Lôbo

GAD 223A Embaixada da Itália em Brasília, o Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo e o Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB  inauguram, no dia 23, a mostra “Classicismo, Realismo, Vanguarda: Pintura Italiana no  entreguerras”. São 67 obras que retratam a arte pictórica italiana do período entra a Primeira Guerra Mundial e o pós-Segunda Guerra Mundial. Esta foi uma das épocas mais férteis para a arte moderna italiana, que criou novas expressões artísticas graças a seus melhores expoentes. Entre eles, Giorgio De Chirico, Felice Casorati, Carlo Carrà, Afro Basaldella, Renato Guttuso, Mario Sironi e, em especial, Amedeo Modigliani.

GAD 183Para o embaixador da Itália, Antonio Bernardini, “foi uma surpresa descobrir a riqueza e a beleza das obras italianas conservadas, aqui no Brasil, graças à coleção Francisco Matarazzo Sobrinho, sua esposa Yolanda Penteado e ao Museu de Arte Contemporânea de São Paulo”. “É uma grande satisfação poder presentear os brasilienses, os brasileiros que visitarão a capital com uma iniciativa como esta, de grande qualidade e valor cultural que dá testemunho de como o interesse intelectual recíproco, a beleza da arte e a partilha de nossas heranças e histórias uniram ainda unem a Itália e o Brasil”, discursou.

GAD 190“Muitos outros eventos tiveram lugar no CCBB e foram realizados parcerias com embaixadas e instituições culturais de prestígio no Distrito federal. Essas parcerias reforçaram o papel de destaque que o Banco do Brasil tem desempenhado como investidor e apoiador de iniciativas que reconhecem a importância da arte para nossa cidade”, disse Paulo Bouças, gerente geral do CCBB.

GAD 144Um dos destaques da exposição em Brasília é Autorretrato, de Amedeo Modigliani. Pela primeira vez, a preciosa obra de arte sairá de São Paulo para outra cidade do Brasil. A peça é de 1919, produzida pouco antes da morte do artista, aos 35 anos, vítima de tuberculose. A mostra abrirá permanecerá aberta para a visitação até 20 de janeiro.

Classicismo, Realismo, Vanguarda: Pintura Italiana no Entreguerras

De 24 de novembro a 20 de janeiro, no Centro Cultural Banco do Brasil de Brasília (Setor de Clubes Sul, Trecho 2, Lote 22). (61) 3108-7600. Das 9 às 21h. Classificação indicativa livre. Entrada franca

GAD 139
Embaixador Antonio Bernardini e o ministro da justiça Torquato Jardim com as respectivas esposas

GAD 176GAD 166GAD 185GAD 186GAD 203GAD 195GAD 194GAD 152GAD 160GAD 226GAD 161GAD 148